terça-feira, 14 de setembro de 2010

Meus caminhos




Não saber onde estou indo
Aventuras sem sentido
Vivendo como vivo
Sigo caminhando sozinho
A loucura me cerca
Tenta me possuir
Mas sem sucesso
A unica saida e desistir

O sorriso surge
A vida uma brincadeira
Uma festa eterna
Altos e baixos
Sempre havera
Levando a vida
Para onde ela quer que eu va


Adriano Xavier 14/09/2010